Entenda
Softwares que auxiliam na inclusão social de pessoas com deficiência visual

Durante muito tempo, as barreiras impostas pela sociedade foram motivo de muitas limitações para as pessoas com deficiência.

Felizmente, o uso da tecnologia tem sido bastante significativo para ampliar o acesso dos deficientes ao mercado de trabalho, à educação e ao lazer.

No caso das pessoas que são cegas ou têm algum tipo de problema visual mais grave, a inovação permitiu o lançamento de alguns equipamentos bastante revolucionários.

Essas ferramentas geralmente utilizam diferentes recursos para oferecer mais independência, autonomia, segurança e qualidade de vida para os deficientes visuais.

Alguns exemplos dessas tecnologias são:

Softwares leitores de tela

Auxílios ópticos

Lentes, lupas e telelupas

Aplicativos para reconhecimento de objetos

Aplicativos para reconhecimento de cores

Leitores de texto

Ampliadores de tela

Hardwares com impressoras braile

GPS para ajudar cegos a reconhecer rotas ou saber sua localização

Conheça 2 softwares criados para pessoas com deficiência visual

• Virtual Vision

Segundo o fabricante, esse software é a solução definitiva para que deficientes visuais possam utilizar com autonomia o Windows, o Office, o Internet Explorer e outros aplicativos, através da leitura dos menus e telas desses programas por um sintetizador de voz.

• Window-Eyes

Outra opção interessante, o Window-Eyes não é nada menos do que uma das soluções de leitura de tela mais estáveis disponíveis no mercado hoje.

Suportando Windows 2000, Windows XP (Home, Professional e Media Center), Windows Server 2003, Windows Vista e todas as versões 32-bit e 64-bit do Windows 7, ele é seguramente um dos mais poderosos softwares de leitura de tela disponíveis atualmente.

Qual a importância da tecnologia assistiva para as pessoas com deficiência?

De forma geral, podemos entender o termo tecnologia assistiva como uma área do conhecimento direcionada para a criação de dispositivos, técnicas e processos capazes de promover assistência, qualidade de vida e reabilitação para as pessoas com deficiência.

Vale destacar que as tecnologias assistivas não se resumem apenas aos recursos eletrônicos ou digitais.

Segundo o Comitê de Ajudas Técnicas – CAT, da Secretaria de Direitos Humanos da República, a tecnologia assistiva também engloba produtos, recursos, metodologias, estratégias, práticas e serviços que objetivam promover a inclusão social, sobretudo no mercado de trabalho, nas empresas e nas escolas.

Quais são as 10 categorias das tecnologias assistivas?

Especialistas da área costumam classificar as tecnologias assistivas em dez categorias. Todas elas visam atuar de forma integrada para beneficiar cegos, surdos, deficientes físicos, entre outros grupos.

• Auxílio para a vida diária e prática

Nesta categoria, podemos ter como exemplo os utensílios e produtos que geram autonomia na rotina da pessoa com deficiência, seja no ambiente de trabalho, em casa ou na rua.

• Comunicação aumentativa e alternativa

Essa categoria é direcionada para recursos voltados a pessoas com dificuldade ou ausência de fala e escrita.

Ela visa a criação de ferramentas que facilitem a comunicação e o entendimento destes indivíduos com as outras pessoas. Alguns exemplos são softwares de leitura, tradutores de sinais, dispositivos de voz, entre outros.

• Recursos de acessibilidade ao computador com a tecnologia assistiva

Esta categoria tem o objetivo de criar mecanismos para auxiliar a pessoa com deficiência no uso do computador de forma autônoma.

• Sistema de controle de ambiente

Nessa categoria, as pessoas com deficiência ou com algum tipo de limitação motora são beneficiadas com recursos para manuseio automático de aparelhos, iluminação, controle remoto, comando de voz, entre outros.

• Projetos arquitetônicos para acessibilidade

Esta categoria é direcionada para a criação de ruas, calçadas e ambientes com acesso adequado para pessoas de mobilidade reduzida ou com deficiência visual. Alguns exemplos podem incluir rampas, elevadores, banheiros adaptados etc.

• Órteses e Próteses

Esta categoria é voltada para as pessoas com deficiência motora ou aquelas que perderam algum membro do corpo.

Com as órteses e próteses, os deficientes ganham mais autonomia, segurança e independência para as atividades do dia a dia.

• Adequação postural

A adequação postural refere-se aos recursos que contribuam para uma postura adequada da pessoa com deficiência, especialmente aquelas que vivem em uma cama ou cadeira de rodas. O objetivo é oferecer mais conforto e reduzir as chances de sequelas casadas pela má postura ou pelo excesso de tempo na mesma posição.

• Auxílios de Mobilidade

Esta categoria inclui utensílios como muletas, andadores, cadeiras de rodas, carrinhos e outros produtos que garantam a mobilidade do deficiente.

• Auxílio para pessoas cegas ou de baixa visão

Esta categoria é direcionada para os equipamentos e produtos voltados para as pessoas com deficiência visual ou baixa visão.

• Auxílios para pessoas surdas ou com déficit auditivo

Aqui, podemos ter como exemplo os aparelhos para surdez, os telefones com teclado-teletipo, os dispositivos com tradução para libras, entre outros recursos.

• Adaptações em veículos

Nesta categoria, são incluídas as tecnologias assistivas que permitam à pessoa com deficiência dirigir com segurança, bem como acessar o carro de forma confortável e com autonomia.

Como foi explicado, o objetivo das categorias listadas acima é facilitar o dia a dia dessas pessoas por meio de alternativas que gerem mais conforto, inclusão e acessibilidade aos deficientes.

Afinal, sabemos que a rotina de uma pessoa com deficiência é repleta de desafios e superações. Por isso, toda a sociedade deve estar atenta para se engajar na luta por este tema.

Se você gostou deste artigo, continue acompanhando nosso blog para ficar cada vez mais atualizado sobre o universo dos softwares e da tecnologia.


Mais lidas








Matérias relacionadas


Nossos Clientes


Usamos cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência no nosso site. Ao clicar em "Aceitar", você concorda com o uso de TODOS os cookies Saiba mais

Aceitar